enquete

  • Aqui vem o tema da enquete que poderá ser alterado acessando o Painel de Controle do Portal.
  • Opção 2
    Opção 3
    Opção 4

21/06/2018 09:50h - Atualizado em 21/06/2018 09:56h

Fundação João Pinheiro abre inscrições para concurso público

Por Assessoria de Comunicação da FJP
Fundação João Pinheiro (FJP)
Fundação João Pinheiro (FJP)

 

Teve início nesta quarta-feira (20/6) o período de inscrições para o concurso público para provimento de 40 vagas da carreira de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG). O Edital Seplag-FJP nº 001/2018 e o passo a passo para efetivação da inscrição estão disponíveis nas páginas da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e da Fundação João Pinheiro (FJP).

As inscrições custam R$ 60 e poderão ser feitas até 20 de julho na página da Fundação Cefet Minas. Para participar, o interessado deverá apresentar o número de sua inscrição no Enem e de seu CPF.

 

Cotas

Acatando a uma demanda da Escola de Governo da FJP, a Lei Estadual nº 22.929, de 13 de janeiro de 2018, instituiu as cotas sociais e raciais para ingresso no concurso público Seplag/FJP, constituindo uma das mais significativas conquistas da instituição e um avanço na promoção da democracia e dos direitos humanos no estado.

De acordo com a nova legislação, são destinadas 20% das vagas para pessoas negras; 3% para indígenas; e 17% para pessoas de baixa renda que estudaram em escolas públicas; e 10% para pessoas com deficiência.

 

Concurso

Os candidatos inscritos que forem aprovados com um mínimo de 350 pontos em cada prova objetiva e 500 pontos na redação do Enem 2018 serão classificados e os primeiros 40 convocados para a segunda etapa, que consiste na frequência e conclusão do curso de graduação em Administração Pública (Csap), ministrado pela Escola de Governo da Fundação João Pinheiro.

Oferecido de forma gratuita, o curso tem duração de quatro anos, período em que os estudantes recebem uma bolsa de estudos mensal correspondente a um salário mínimo.

Após formados, os bacharéis recebem o título de Administradores Públicos e são nomeados para atuar como Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) em um dos diversos órgãos e entidades da administração direta, autárquica e fundacional do poder executivo estadual.

 

Carreira

Essenciais para o aprimoramento da gestão pública em Minas Gerais, os EPPGG são aptos a trabalhar nas áreas de planejamento e avaliação, administração financeira e orçamentária, contabilidade, modernização da gestão, racionalização de processos, gestão e tecnologia da informação, recursos logísticos, recursos materiais, recursos humanos e administração patrimonial.

A remuneração do cargo de EPPGG, nível 1, grau A, pode corresponder a até R$ 5.100, aproximadamente, considerando o Vencimento Básico acrescido de 100% da Gratificação de Desempenho e Produtividade Individual e Institucional - GDPI (valor variável).

 

Excelência

A graduação em Administração Pública da FJP mantém um histórico de excelentes classificações nas avaliações oficiais do país. Em 2017, o curso ficou em 1º lugar entre os de Administração Pública do país no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) e conquistou o conceito máximo (5) no Índice Geral de Cursos - IGC (Inep/MEC).

No mesmo ano, obteve o selo de qualidade 5 estrelas na avaliação de cursos superiores do Guia do Estudante - GE  da Editora Abril e, em 2016 e 2017, recebeu o Prêmio Melhores Universidades - Excelência especializada.

Além dessas avaliações positivas, o curso obteve conceito “A” na avaliação requerida no processo de renovação de seu credenciamento junto ao Conselho Estadual de Educação, ocorrida em dezembro de 2016.