enquete

  • Aqui vem o tema da enquete que poderá ser alterado acessando o Painel de Controle do Portal.
  • Opção 2
    Opção 3
    Opção 4

04/06/2019 10:34h - Atualizado em 04/06/2019 10:39h

Câmara atende cadeirantes e vota favorável a sessão noturna

Por Maria Alice/Vitória Ramos, com Carlos Alberto Alves
Cadeirantes vão à Câmra oedir apoio pra transporte coeltivo
Cadeirantes vão à Câmra oedir apoio pra transporte coeltivo

 

Numa reunião bastante movimentada, que incluiu atendimento a cadeirantes, que temem a saída da Cisne, anunciada para  o dia 14 de junho, eles buscam apoio dos vereadores para que não percam o transporte grátis que hoje é feito e que atende cerca de 200 portadores de necessidade especial. O vereador Téo Lemos ficou de agendar encontro com o executivo para tratar do assunto. Mais tarde a Comissão de Administração se reuniu com staff da prefeitura para obter informações sobre a questão do transporte coletivo na cidade. Ainda, no momento de votação de matérias, o requerimento que pedia a mudança da sessão de 14h para 19h foi aprovado. O vereador Rodrigo Maia disse que vai elaborar o projeto de Resolução propondo essa alteração “breve”  sem especificar data para tanto. Ele também anunciou que fará um Resoluçâo propondo o uso da tribuna, mediante regulamentação, por três cidadãos em todas as sessões ordinárias.

 

Dona Cida denuncia descarte de lixo irregular nas estradas

A vereadora Dona Cida (PT) falou sobre o dia do meio Ambiente, que é comemorado da quarta feira (05/06), para isso levantou a questão do lixo que é depositado nas estradas ao redor do município, ela e a vereadora Belinha foram até esses locais para verificar, e segundo ela, além do lixo comum, são depositados resíduos tóxicos como lâmpadas e pilhas. Além da falta de conscientização da população, segundo ela falta o investimento de verbas do governo municipal “investir no meio ambiente, é investir na saúde, é prevenção”. Mudando de assunto, a vereadora falou sobre as inaugurações dos 3 CEMEIS no mês de maio, ela parabeniza a secretaria de saúde e a prefeitura, por se dedicarem a melhoria do ensino infantil, “Enquanto um presidente quer que até crianças peguem em armas, em nossa cidade, queremos que elas peguem em livros.”

Teo Lemos Acusa Serapião de Calúnia

O vereador Teo Lemos iniciou o pronunciamento falando sobre um  projeto que autoriza a contratação de 13 milhões de reais com a Caixa Econômica com o objetivo de pavimentar as ruas sem asfalto da cidade. O projeto tem o prazo de 30 dias para ser aprovado e será pago em 120 vezes pelo município.

Teo Lemos também fez comentários a cerca do pronunciamento do vereador João Serapião em duas rádios de Passos, quando teria dado informações falsas sobre gastos de seus colegas com diárias. O vereador diz que seu maior gasto foi de torno de 12 mil reais.

João Serapião rebate acusações de Teo Lemos

João serapião criticou a pressão da prefeitura para a aprovação de projetos em 30 dias. Em seguida se defendeu das declarações do vereador Teo Lemos, dizendo que muitos vereadores não têm respeito pelo povo. Assim como no pronunciamento de Teo Lemos, a maior parte de sua fala foi dedicada à defesa de acusações e troca de farpas com o colega, levantando a questão do mesmo tomar a decisões referentes às horas extras de funcionários, o que não seria de sua alçada, e convidando-o a prestarem denuncias juntamente. “Tudo que faço é abrigado pela lei, se não eu não faria”. Como nas demais reuniões, falou de seu compromisso com o povo e projetos que visam corte de gastos para as próximas gestões. “Precisamos olhar com mais carinho para a população”, afirma Serapião.

 

Belinha: Daqui a pouco nós não teremos mais vida!

A vereadora Belinha começou o seu pronunciamento concordando com a fala de Dona Cida e relembrando do lixão que existia no bairro Aclimação e que foi diminuindo pois foram vigiando para que não jogasse mais lixo por ali. “O cidadão passense, as empresas, vão levar o lixo um pouco mais abaixo. Eu fico muito triste de ver que empresários levam resíduos de suas empresas pra depositar nas laterais das rodovias e estradas”, disse. Ela afirmou que apresentou um anteprojeto solicitando a criação da secretaria do meio ambiente e mesmo assim a secretaria do meio ambiente não está focando em sua origem maior, que é preservar e cuidar do nosso meio ambiente.

Ela também atentou aos esgotos, que a prefeitura está jogando a água da chuva para dentro dos riachos, destruindo os córregos.  “Cadê a nossa secretaria de meio ambiente?” questionou Belinha..

No final do seu pronunciamento, Belinha fez uma crítica à uma entrevista que a mesma viu de  João Serapião. “cada vereador tem todo o direito de trabalhar as suas ideias, apresentar as suas ideias, apresentar os seus requerimentos , trabalhar os seus projetos, mas respeitar o voto de cada um. Nós aqui estamos por igualdade e cada um tem o poder de voto.” Afirmou a vereadora. Ela ainda disse que apesar de Jõao Serapião dizer que mesma viajou e gastou muito, ela só trabalha como vereadora e tem um exemplo do CEMEI Jardim Canadá e lutou muito para que o CEMEI acontecesse, tendo de viajar muito para Belo Horizonte. “Te respeito muito, mas eu gostaria que Vossa Excelência continuasse a respeitar o legislativo de forma  como um todo e a se colocar no lugar por que cada um de nós somos iguais a você. Nós todos fomos eleitos para defender a população e pra poder de voto. Então não questione o voto do seu colega, não questione o porquê votou o contrario. Defenda o seu!” afirmou Belinha.

Alex Bueno defende empréstimo para pavimentação de ruas

Na fala  de Alex Bueno, o mesmo fez um convite para a audiência pública através da câmara municipal, que acontecerá no dia 11/06/10, às 19h no Plenário da câmara, com o objetivo de discutir o projeto de lei número 19 – lei de diretriz orçamentária, onde a comissão estará ouvindo a população. O mesmo também entrou no assunto do vencimento do código tributário, um projeto de lei complementar que está em tramitação. O prazo venceu na comissão e os vereadores enviaram uma solicitação ao poder executivo, mas não obtiveram resposta. “o projeto deveria vir de modo desmembrado por ser tratar de um assunto muito complexo, falando da tributação de encargos do município” afirmou o vereador.

Alex comentou a respeito do projeto de lei 027, que propõe a sugestão de consignação de recursos, tendo em vista a melhoria de infraestrutura e saneamento. Ele deu uma proposta para o presidente a respeito do projeto, para que o projeto tenha um anexo, para que os vereadores possam colaborar apontando as melhorias para a destinação do recurso.”Ora ou outra nós temos acompanhado a cobrança pelo Serra Verde, podemos colocar nesse anexo,  nós temos a cobrança de postos de saúde que poderão ser colocados nesse anexo” contou Alex.