enquete

  • Aqui vem o tema da enquete que poderá ser alterado acessando o Painel de Controle do Portal.
  • Opção 2
    Opção 3
    Opção 4

22/10/2013 08:42h - Atualizado em 22/10/2013 09:01h

Câmara de Comércio e Indústria Brasil China fará reunião em Passos

Por Correio do Vale do Rio Grande
DAVI DE OLIVEIRA PRESIDENTE DO ISEPEM KEVIN TANG PRESIDENTE DA CCBI
DAVI DE OLIVEIRA PRESIDENTE DO ISEPEM KEVIN TANG PRESIDENTE DA CCBI

O estreitamento da relação da Câmara Comércio e Indústria Brasil China com o Isepem – Instituto de Pesquisas e educação  de Minas Gerais vai resultar no primeiro encontro da CCIBC com prefeitos, vereadores, lideranças e empresários do sul e sudoeste de Minas. Ofício enviado ao presidente do Isepem, Davi de Oliveira pede apoio para “promover um encontro de prefeitos de municípios do estado de Minas Gerais com a nossa Câmara durante o período entre o final do mês de novembro e início de dezembro de 2013”. O documento é assinado por Kevin Tang, diretor da Câmara.

O encontro tem a “finalidade de apresentar oportunidades de negócios com a China e nosso papel no aprimoramento desse intercâmbio”, afirma no ofício Kevin Tang. Ele esclarece que o objetivo do encontro é informar sobre as relações sino-brasileiras, as diferenças na cultura comercial, técnicas de negociação e mostrar o potencial de parcerias com empresas e governos chineses. “Esperamos facilitar a atração de investimentos, o aumento do intercâmbio comercial e estabelecimentos de novas trocas acadêmicas e culturais para a região”, frisa no ofício, que também menciona Emerson Mendes, que assessorou a aproximação do Isepem com a CCIBC.
Davi de Oliveira avalia que a relação da Câmara de Comércio e Indústria Brasil China “será importante para que a região abra relações comerciais com um parceiro de grande nível e que pode muito bem significar um fator de desenvolvimento para esta região”.
É dessa maneira que Kevin Tang enxerga o encontro. Ele diz que “tal iniciativa será importante instrumento para um maior conhecimento sobre as oportunidades existentes e incentivará os contatos e trocas entre os países”, o que deverá resultar no fortalecimento das relações  e “promovendo também o benefício mútuo de seus povos”, registra o ofício.
O presidente do Isepem inicia nesta semana os contatos com a Ameg, Amog e Alago para definir datas e a programação do evento.